Feira: Acusado de mais 50 mortes e líder de facção é preso em Aracaju

1Apontado como o “rei de copas” do baralho do crime da Secretaria de Segurança Pública, Leone Santos Costa, o Leone do Pânico ou Leone do Pela Porco, de Feira de Santana, foi preso neste sábado (26) em Aracaju, Sergipe. O acusado foi autuado em flagrante após uma tentativa de homicídio em um bar. Conforme o delegado Gustavo Coutinho ao Acorda Cidade, Leone é líder de uma facção criminosa em Feira de Santana. Procurado pela Polícia, Leone é acusado de participação em cerca de 50 assassinatos em Feira, o que inclui uma chacina na localidade de Portelinha, no bairro Pedra do Descanso, no dia 21 de agosto de 2016, onde cinco homens foram mortos. Ainda segundo a Polícia, Leone deve ficar detido em Aracaju onde segue à disposição da Justiça, vindo a Feira de Santana apenas para ser ouvido em interrogatório.
COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.