Homem sobrevive há quatro meses sem coração

às 14:46 e atualizado às 21:30
O paciente Jakub Halik, junto a Jan Pirk, o cardiologista que realizou a cirurgia

Praga (República Tcheca). O tcheco Jakub Halik é o primeiro homem do mundo que sobrevive há quase quatro meses sem o coração, que foi substituído por duas bombas sem válvulas cardíacas e que não produzem pulsações sensíveis ao tato.

O homem de 37 anos, que é bombeiro, tinha um tumor maligno, e a única alternativa foi a retirada do coração e a implantação das bombas. Antes de Halik, esta técnica só tinha sido aplicada em um homem nos Estados Unidos, que morreu pouco depois.

COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.