Jogador do São Paulo é acusado de agredir garota; polícia vai apurar

Everton nega as acusações e o pai dele registrou um Boletim de Ocorrência por invasão

às 14:29
Foto: Getty Images

O atacante Everton, do São Paulo, é acusado de agredir uma jovem de 21 anos. O caso teria ocorrido na madrugada desta terça-feira (11), durante a festa de aniversário de 30 anos do jogador, realizada na casa de um amigo dele, na cidade de Nortelândia, que fica a cerca de 230 km de Cuiabá.

De acordo com o Globoesporte.com, a menina se chama Joanna Darc Campos Dourado. Em Boletim de Ocorrência e em publicação (já apagada) no Facebook, ela afirma ter recebido um “murro” de Everton, que nega a agressão.

O pai do atleta, Evandro Campos, também registrou um B.O., mas por invasão de domicílio..

Ainda segundo o “Globo Esporte”, Joanna Darc teria ido a festa de Everton com mais dois amigos, sem serem convidados. O trio teria sido expulso do local e, de acordo com Joanna, foi neste momento que o jogador são-paulino a agrediu. Ela conta ainda que o irmão do atleta, as esposas e um segurança também participaram das alegadas agressões.

Em nota, a assessoria de Everton nega violência.

“O jogador Everton Cardoso, do São Paulo, nega qualquer incidente envolvendo o seu nome. O que houve foi uma invasão da casa onde ele estava com a família na cidade de Nortelândia,

Siga o Retiro Notícias no Instagram – @retironoticias

no Mato Grosso, e os invasores foram convidados a se retirar pelo segurança do jogador. O pai do atleta, Evandro Campos, registrou essa invasão na polícia local. O caso está na justiça e o jogador e sua família esperam que os invasores sejam punidos”, diz a nota enviada ao Globoesporte.com pela assessoria de Everton.

A Polícia Civil do Mato Grosso confirmou os registros dos dois Boletins de Ocorrência e disse que vai investigar o caso.

COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.