Neymar chega para depor no Rio de cadeira de rodas

Jogador chegou usando muleta e cadeira de rodas
às 21:37
(AFP)

Neymar depôs na noite desta quinta-feira (6) à Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), no Rio de Janeiro, sobre o vazamento de uma conversa íntima, com fotos, que ele teve com a modelo baiana Najila Trindade, que agora o acusa de estupro. Em frente à delegacia, cerca de 100 crianças esperavam para demonstrar apoio ao jogador, segundo o Uol.

Ele deixou o local depois de falar com a polícia, pouco menos de duas horas depois. “Só quero agradecer o apoio e mensagem que todo mundo mandou, mensagem, fãs. Só agradecer, obrigado pelo carinho. Me senti muito amado. Então, só agradecer o carinho de todos”, afirmou o jogador na saída.

Na chegada, Neymar desceu da van em que chegou usando muletas e depois usou uma cadeira de rodas – ele saiu da partida entre o Brasil e Catar na noite de ontem por conta de uma lesão, que levou ao seu corte da Copa América. Pela manhã, Neymar deixou o hotel em que a seleção está concentrada, em Brasília, e foi de avião particular para Mangaratiba, no Rio. O camisa 10 foi substituído ainda no primeiro tempo da partida ontem, no Mané Garrincha. Exames detectaram uma ruptura no tornozelo direito. O Brasil venceu por 2 a 0.

O jogador divulgou pelo seu perfil do Instagram trechos da conversa que teve com Najila. No decorrer da conversa, aparecem imagens da modelo nua ou seminua, embora as fotos tenham sido parcialmente borradas. O Instagram removeu o conteúdo no dia seguinte à postagem.

O depoimento tinha sido transferido para Serviço Aeropolicial, na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio, mas foi realocado para a Cidade da Polícia, na zona norte. A mudança do local aconteceu pela segunda vez hoje. Na primeira vez, a polícia alegou motivo de segurança, pois muitas crianças estavam em frente ao local – a maioria da favela de Jacarezinha, que fica perto da unidade. O depoimento acabou voltando para lá, por conta de um imprevisto no pouso do atleta. As crianças gritavam palavras de incentivo a Neymar e que ele é inocente.

O depoimento estava inicialmente marcado para esta sexta (7), mas acabou antecipado pelo jogador.

COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.