No finalzinho, Vitória vence América-RN na estreia do Nordestão

às 0:09

De virada no finalzinho do jogo, o Vitória venceu com o América-RN nesta tarde de domingo, por 2 x 1, no estádio Nazarenão, em Goianinha, pela estreia das duas equipes no Campeonato do Nordeste. Com estes três pontos conquistados, o rubro-negro divide a liderança do grupo C com o Salgueiro-PE, adversário da próxima rodada na competição, quarta-feira, no Barradão.

Vitória erra e América-RN abre placar na etapa inicial

Ainda sem grande parte das suas principais contratações, o Vitória teve muitas dificuldades nos primeiros quarenta e cinco minutos de confronto na casa do adversário. A equipe rubro-negra reclamou muito do vento forte, que atrapalhou bastante o sistema defensivo dos baianos.

E também por conta disso, o primeiro e único gol na etapa inicial foi do Mecão. Aos oito minutos, após cruzamento na área, a bola bateu no zagueiro Gabriel Paulista e sobrou no peito do volante Fabinho, que dominou bonito e chutou forte, no canto de Deola, que na conseguiu fazer.

A resposta dos visitantes aconteceu aos 19. O meia Arthur Maia, responsável por comandar o setor do time, caiu bem pela esquerda e lançou para Marcelo Nicácio, que não chegou a tempo de finalizar para dentro do gol potiguar.

Já aos 32, uma das melhores chances do duelo até então. Marquinhos recebeu livre na área, após falha do sistema defensivo do América-RN, e testou bonito, por cima do goleiro Dida, que salvou com estilo.

Mais dinâmico e melhor em campo, o rubro-negro da Toca ainda assustou antes do apito final do primeiro tempo, e com Marquinhos novamente. O atacante tentou mandar por cobertura e acertou a trave de Dida.

Nicácio marca no final e Leão vence Mecão

Com duas alterações, o Vitória retornou para o segundo tempo como terminou o primeiro: pressionando muito o adversário e puxando rápidos contra-ataques. As entradas de Dimas e do estreante Lúcio Maranhão foram de fundamental importância para o crescimento rubro-negro no jogo.

E logo aos nove minutos da etapa final, a equipe comandada por Caio Júnior empatou a partida. Pela direita, Nicácio partiu como um ponta e cruzou para Lúcio Maranhão, que tentou o chute, mas foi barrado pela defesa. Porém, na sobra, Marquinhos pegou a redonda, entrou na área e chutou por cima de Dida, estufando as redes do Mecão.

Pressionado e sem tanto espaço para penetrar na defesa baiana, o América-RN criou uma boa oportunidade de ficar na frente do placar novamente aos 21. Após receber passe na esquerda, o lateral Renatinho Potiguar entrou com velocidade e soltou a bomba, para a ótima intervenção de Deola.

Com muitas dificuldades para chegar à área baiana, o Mecão tentou chutes de longa distância. E em um desses lances, o lateral-esquerdo Fernandes assustou Deola. Aos 40, o jogador bateu com categoria e obrigou o arqueiro rubro-negro a realizar uma boa defesa.

Mas no final do jogo, aos 43, depois de tanto pressionar, o Leão marcou o gol do triunfo. Depois de cruzamento na área, Marcelo Nicácio subiu bonito e testou firme, no canto de Dida.

FICHA TÉCNICA

Campeonato do Nordeste

América-RN 1 x 2 Vitória

Estádio: Nazarenão, em Goianinha (RN)

Data: 20/01/2013

Árbitro: Avelar Rodrigo da Silva (CE)

Auxiliares: Thiago Gomes Brigido (CE) e Carolina Romanholi Melo (CE)

América-RN: Dida; Norberto, Edson Rocha, Rodrigão e Renato Potiguar (Fernandes); Jérson (Índio), Daniel, Fabinho e Netinho; Cascata (Tatu) e Rico. Técnico: Roberto Fernandes.

Vitória: Deola; Léo (Dimas), Gabriel Paulista, David Braz e Fabrício (Renié); Rodrigo Mancha, Michel, Mineiro e Arthur Maia (Lúcio Maranhão); Marquinhos e Marcelo Nicácio. Técnico: Caio Júnior.

Por Maurício Naiberg BN

COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.