Palmeiras x Cruzeiro: Thiago Neves deixa a Toca mais cedo e está fora do jogo

Meia, que foi alvo dos torcedores em alguns protestos durante a semana, saiu do CT acompanhado pelo motorista particular cerca de uma hora após a imprensa deixar o local

às 11:26
Foto: Douglas Magno/BP Filmes

Alvo de protesto da torcida nesta semana, Thiago Neves está fora do jogo contra o Palmeiras, neste sábado, às 19h (de Brasília), na arena do clube paulista, pela 19ª rodada do Brasileiro. O meia deixou a Toca da Raposa mais cedo nesta sexta-feira, acompanhado pelo motorista particular, cerca de uma hora depois de a imprensa sair do centro de treinamentos.

Saiba mais notícias sobre o Cruzeiro clicando aqui

Na segunda-feira, em entrevista coletiva, o diretor de futebol Marcelo Djian comunicou que Rogério Ceni informou a intenção de colocar alguns jogadores para fazerem atividades complementares após os treinos com o grupo. Ainda segundo o dirigente, alguns deles – com nomes até então não definidos –, inclusive, ficariam fora do jogo contra o Palmeiras. No entanto, na quinta-feira, o atacante Pedro Rocha disse, também em coletiva, não ter conhecimento sobre esses trabalhos adicionais.

Alvo de torcedores em protestos

No domingo, ainda durante a goleada sofrida para o Grêmio, no Independência, o jogador foi muito vaiado pela torcida. Ato que se repetiu quando ele foi substituído por Ezequiel, no segundo tempo.

Durante a semana, torcedores fizeram protestos em frente à sede administrativa e à Toca da Raposa, e Thiago Neves foi um dos mais cobrados. Na segunda-feira, entoaram cânticos como: “Ê, ê, ê, ê, Thiago Neves, vê se para de beber”.

Torcedores do Cruzeiro colocam garrafas de cachaça na porta da Toca da Raposa em protesto — Foto: Diogo Finelli

Na quarta, ele também foi alvo. O grupo que protestou em frente à Toca antes do treinamento, levou uma faixa pedindo a saída de oito jogadores, entre eles o camisa 10. Ofereceram garrafas de cachaça como “prêmio”, caso esses atletas deixassem o clube.

Thiago Neves começou a temporada enfrentando seguidos problemas na panturrilha e só conseguiu sequência na equipe após o início do Campeonato Brasileiro. No total, o meia atuou em 27 partidas, sendo 22 como titular. /Globo Esporte

COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.