Araci: Corpo de homem é achado carbonizado com perfurações de arma branca. Autor do crime é seu sobrinho.

O jovem foi preso e confessou que matou o tio e queimou o corpo para roubar R$ 1,7 mil da vítima

às 11:41 e atualizado às 11:47

Avatar Por Pablisia Barreto Fonte: Notícias de Santaluz

Foto: Ilustração

Um homem identificado como Graceliano Sousa da Silva, de 58 anos, foi encontrado morto, com perfurações características de arma branca e o corpo carbonizado, na manhã de segunda-feira (22), na estrada que liga os distritos Tapuio e Pedra Alta, na zona rural de Araci, região sisaleira da Bahia. Ele residia na localidade conhecida como Laje do Forno. De acordo com a polícia, o corpo do homem foi reconhecido por um irmão. A vítima, segundo o irmão, foi vista na noite de domingo (21), por volta das 19h, próximo a um bar em Tapuio.

Jovem contou aos policiais que matou o tio para roubar a quantia de R$ 1,7 mil da vítima| Foto: Divulgação/Polícia Civil

O crime foi cometido por seu sobrinho, jovem identificado como ‘Biguinha’, de 26 anos que foi preso pela Polícia Civil de Araci. De acordo com a Polícia Civil, ele confessou o crime e disse que roubou R$ 1,7 mil da vítima, sendo que R$ 1.550 foram recuperados pela polícia. Ainda de acordo com a polícia, o jovem contou que desferiu golpes de faca no tórax e no pescoço da vítima e queimou o corpo para dificultar a identificação. ‘Biguinha’ foi encontrado no povoado Várzea da Pedra, que fica no limite territorial com a cidade de Santaluz, e encaminhado à delegacia de Araci, onde foi autuado em flagrante por latrocínio e ocultação de cadáver.

Siga o Retiro Notícias no Instagram - @retironoticias

COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.