Preso por matar namorado da enteada em Itajuípe confessa crime e diz que não gostava de atitudes da vítima

Suspeito foi apresentado e interrogado na delegacia de Itabuna. Segundo delegado, homem ainda falou que vítima fez ameaças contra ele.

às 15:44

Avatar Por Redação Fonte: G1 Bahia

Suspeito do crime foi identificado como Raul Santos e é procurado pela polícia — Foto: Reprodução/ TV Santa Cruz

O homem preso suspeito de matar o namorado da enteada, no município de Itajuípe, cidade do sul da Bahia, prestou depoimento à polícia e confessou o crime. De acordo com o delegado Marlos Macedo, o homem, identificado como Raul de Jesus Santos, de 35 anos, contou que matou Felliphe Iago Santana por não gostar das atitudes do jovem dentro da casa dele.

Ainda segundo Marlos Macedo, o suspeito falou que o jovem só ia embora da sua casa durante a madrugada, e que ele não concordava com isso, achava uma falta de respeito. por isso, eles passaram a ter desavenças.

“Segundo ele, Felliphe também fez algumas ameaças e, por causa disso, ele decidiu matar o jovem”, disse o delegado.

Felliphe Iago tinha 25 anos e foi morto a tiros pelo padrasto da namorada — Foto: Reprodução/ TV Santa Cruz

Raul de Jesus Santos foi encontrado escondido em uma casa do município de Itapetinga, no sudoeste baiano, e foi transferido para Itabuna, onde prestou o depoimento.

O crime aconteceu no dia 16 de setembro, na Rua Jacó Olímpio de Santana, centro da cidade. Uma câmera de segurança flagrou o momento em que homem foge, com uma arma na mão, logo após disparar várias vezes contra o rapaz.

De acordo com a polícia, a vítima trabalhava na vidraçaria do pai, quando o suspeito chegou ao local e atirou várias vezes nele. Felliphe chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Montival Lucas, em Itajuípe, mas não resistiu aos ferimentos.

Siga o Retiro Notícias no Instagram - @retironoticias

COMPARTILHAR
COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.