Professores e alunos são assaltados mais uma vez em colégio em Coité

A vulnerabilidade da escola já é conhecida e a impunidade também.

às 23:58

Por Micael Levi via Retiro Notícias

Foto: Reprodução/ Policia Militar

Alunos e professores viveram mais uma vez situação de pânico com um assalto em plena sala de aula no Colégio Olgarina Pitangueira Pinheiro na noite desta terça-feira (03), em Conceição do Coité, território do Sisal na Bahia.

O maior colégio do município embora esteja em um local de bom movimento no portão de entrada, é cercada de terrenos baldios, sem iluminação, com muito mato e para facilitar ainda mais a ação delinquente, possui muro baixo.

“Não é possível trabalhar dessa maneira, a escola vai fechar”, disse uma professora minutos depois do assalto.

Em março de 2017 o colégio foi vítima de um assalto, quando bandidos armados e encapuzados chegaram em duas salas portando uma mochila, recolhendo cerca de 40 celulares. O números e aparelhos levados não foi divulgado. O assalto de 2017 chegou aos ouvidos da Secretaria de Educação da Bahia, que mandou representantes para ver de perto a situação de vulnerabilidade da escola, na ocasião ficou a promessa de melhorar a segurança, ampliar o muro, mas nada foi feito até que ocorreu mais este assalto da mesma forma.

Na escola alunos relatam que nem dentro e nem fora da escola tem tranquilidade, há exatamente dez dias um indivíduo seguiu um grupo de estudantes que se dirigiam para suas casas, cerca de 300 metros depois de deixarem a escola.

A escola dispõe de porteiro, mas os assaltantes nunca chegam pela frente, sempre aproveitam a escuridão das laterias e fundos da escola para invadirem e quando o porteiro é informado, os bandidos já desapareceram.

Outros casos do colégio

Foto: Policia Civil – 19.12.2018

No ano passado, em uma segunda-feira, durante a madrugada, três indivíduos usando capuz e boné subiram pelo telhado e passaram horas no interior do estabelecimento e tiveram tempo de retirar todos os processadores e placas mães de 14 computadores da sala de informática.

As câmeras de segurança registraram a chegada dos arrombadores às 23h de domingo e permaneceram até às 03h da madrugada. A Polícia Civil recuperou os objetos furtados.

Por Micael Levi | Redação RN

COMENTÁRIOS
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Retiro Notícias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.